Obs*

Não pense que escrevo aqui o meu mais íntimo segredo, pois há segredos que eu não conto nem a mim mesma ~Escrevo coisas que sinto.. coisas que tenho .. Misturando tudo com um pouco de imaginação, fantasia, realidade e criatividade... Por Favor ao divulgar textos de minha autoria .. Colocar os Créditos Devido. - As mensagens, texto, frases e imagens.. Contidas nesse Blog algumas são de minha autoria.. Outras são coisas que li que vi e gostei e é claro Copiei .. Dando a elas o devido mérito ... Bom assim que seguir o meu blog deixar um Comentário .. Thank you! .. Bem vidas também são as Críticas e Elogios.. O mais Importante é a sua Opinião ... Contato: katty.greff@hotmail.com ... Qualquer erro é mera distração ... Obrigada e volte Sempre!

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Brahma Kumaris






"Equilíbrio é a habilidade de olhar 
para a vida a 
partir de uma perspectiva clara - 
fazer a coisa 
certa no momento certo.

Uma pessoa equilibrada será capaz 
de apreciar a 
beleza e o significado de cada 
situação seja ela 

adversa ou favorável.


Equilíbrio é a habilidade de aprender com a 
situação e de prosseguir com 
sentimentos 
positivos. É estar sempre alerta, 
ser totalmente 
focado, e ter uma visão ampla.
Equilíbrio vem do entendimento, 
humildade e 
tolerância. O mais elevado estado 
de equilíbrio é 
voar livre de tudo e, ainda assim, 
manter-se 
firmemente enraizado na realidade do mundo."

- Ana Jácomo.

“É fácil amar o outro na mesa de bar, quando o 
papo é leve, o riso é farto, e o chope é gelado. É 
fácil amar o outro nas férias de verão, no 
churrasco de domingo, nas festas agendadas no 

calendário de vez em quando.
Difícil é amar quando o 
outro desaba, quando 

não acredita em mais nada. E entende tudo 

errado. E paralisa. E se vitimiza. E perde o 

charme. O prazo. A identidade. A coerência. O 

rebolado. Difícil amar quando o outro fica cada 

vez mais diferente do que habitualmente ele se 

mostra ou mais parecido com alguém que não 

aceitamos que ele esteja. Difícil é permanecer ao 

seu lado quando parece que todos já foram 

embora, quando as cortinas se abrem e ele não 

vê mais ninguém na platéia. Quando o seu 

pedido de ajuda, verbalizado ou não, exige que 

a gente saia do nosso egoísmo, do nosso 

sossego, da nossa rigidez, do nosso faz-de-conta, para caminhar humanamente ao seu 
encontro. Difícil é amar quem não está se amando. Mas esse talvez seja, sim, o tempo em que o outro mais precisa se sentir amado. Eu não acredito na existência de botões, 
alavancas, recursos afins, que façam as dores mais abissais desaparecerem, nos tempos mais devastadores, por pura mágica. Mas eu 

acredito na fé, na vontade essencial de transformação, no gesto aliado à vontade, e, especialmente, no amor que recebemos, nas 


temporadas difíceis, de quem não desiste da gente.”


¨


Tudo o que vive, vive para sempre. Somente o invólucro, o que é perecível, desaparece. O espírito não tem fim. É eterno. Imortal.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Amo ser MÃE*


Um dia me disseram que ter um 
filho e abrir mão da vida .
.
Que encarar uma sociedade 
hipócrita por ser mãe jovem ia 
me pedir forças infinitas. 

Me falaram das dores do parto, 
do meu corpo diferente, depois 
das noites mal do
rmidas e da 
juventude diminuída.

Mas nunca me contaram que 
cada sorriso que eu ganho vale 
mais que um risada , beijos sem 
emoções ou experiências 
frustrantes. 
Não me contaram que esse 
cheirinho de bebê empreguina na 
alma e que ficar sem ele, nem que 
seja só para comprar alguma 
coisa para comer, poderia doer 
mais que a própria fome. 
Nunca me disseram que com eles 
podemos aprender tanto, 
aprender a amar incondicionalmente, aprender sobre o amor de Deus, a dar sem receber, a 
cuidar, a sorrir, a abraçar o tempo todo. 

Agora eu sei porque nunca gostei muito de ouvir. As pessoas falam demais, criticam demais. Nós temos sempre duas opções: reclamar ou simplesmente ser feliz. 
Eu escolhi ser feliz... Sempre!
Amo mais que tudo João Víctor & João Pedro*

terça-feira, 28 de agosto de 2012

Paulo Coelho




Tudo que podia ter acontecido - mas não aconteceu - termina sendo levado pelo vento, e não deixa qualquer traço. A vida é feita de nossas atitudes.


- Gislaine Coelho*




"Não busque por 
aquilo que enche os seus olhos (ilusão), 
mas por aquilo que completa o seu 
coração (plenitude)"

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Martha Medeiros*


Nossa vida, a melhor resposta


Quem é você? Do que gosta? Em 

que acredita? O que deseja? Dia 
e noite somos questionados, e as 
respostas costumam ser 
inteligentes, espirituosas e 
decentes. Tudo para causar a 
melhor impressão aos nossos 
inquisidores. 

Ora, quem sou eu. Sou do bem, 
sou honesto, sou perseverante, 
sou bem-humorado, sou aberto 
— não costumamos economizar 
atributos quando se trata da 
nossa própria descrição. Do que 
gostamos? De coisas belas. No 
que acreditamos? Em dias 
melhores. O que desejamos? A 
paz universal.

Enquanto isso, o nosso 'eu' 
dentro de nós revira o estômago 
e faz cara de nojo. É muita 
santidade para uma pobre 
pessoa, ninguém é tão imaculado assim.

A despeito do nosso inegável talento como divulgadores de nós mesmos e da nossa falta de 
modéstia ao descrever nosso perfil em redes sociais , a verdade é que o que dizemos não 
tem tanta importância.

Para saber quem somos, basta que se observe o que fizemos da nossa vida. Os fatos 
revelam tudo, as atitudes confirmam. O que você diz — com todo o respeito — é apenas o 
que você diz. (…)
Podemos maquiar quando falamos sobre nós mesmos ou podemos silenciar sobre o que 
não queremos que venha à tona. Inútil. A soma dos nossos dias assinará este inventário. 
Fará um levantamento honesto. Como dizem ai : suas idéias correspondem aos fatos?
De novo: o que a gente diz é apenas o que a gente diz.

Lá no finalzinho, a vida que construímos é que se revelará o mais eficiente detector de 
nossas mentiras.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

OSHO~*



A felicidade não é um 
destino, é uma 
viagem. A felicidade 
não é amanhã, é 
agora. A felicidade 
não é uma 
dependência, é uma 
decisão. A felicidade é 
o que você é, não o 
que você tem.




Ainda tem gente que 
só vive 
lamentando,vai ser 
FELIZ como ?